Mjadra – Arroz com lentilha

Mjadra - Arroz com lentilha - Abuzuz Restaurante

A lentilha, além de ser uma delícia, é um grão que, a maioria das pessoas acredita, traz sorte em vários aspectos da vida. É tradição, por exemplo, comer lentilhas na ceia do Réveillon, para atrair coisas boas durante o novo ano que se inicia.

Mas independente dessas crenças, a lentilha é um alimento super saudável e nutritivo, rico em fibras, e que ajuda na redução do colesterol e regula os níveis de açúcar no sangue.

Você sabia que a lentilha é um dos alimentos mais antigos da história do homem? Isso mesmo! A lentilha surgiu há cerca de 8 mil anos antes de Cristo, na Síria. E é de lá que vem a receita do Mjadra, o arroz com lentilha.

O Mjadra pode ser consumido sozinho ou acompanhado, por exemplo, com kaftas ou qualquer outro tipo de carne tipicamente árabe. O arroz com lentilha fica ainda mais gostoso com cebolas fritas.

Venha até o tradicional Restaurante Abu-Zuz, no Brás, e experimente o saboroso Mjadra! Você vai adorar!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

Anúncios

Quibe cru: o famoso “bolinho” de carne moída

Quibe Cru

Apresentamos uma das mais tradicionais delícias do Oriente: o quibe cru!

O bolinho de carne moída, que a maioria conhece frito, tem sua origem na Síria e no Líbano, onde é chamado de “kibbe nayye.

Feito basicamente com carne crua moída (muito limpa e fresquinha) e um pouco de trigo, é temperado com sal e hortelã ou manjericão (dependendo da região).

A forma tradicional de se comer o delicioso quibe cru é com cebola crua, hortelã e azeite, ah, e claro, com pão sírio. Mas nada impede de se acrescentar uma bela pimenta síria e, por que não, limão.

Quer experimentar um tradicional quibe cru libanês? Passe no Restaurante Abu-Zuz e bom apetite!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

A história da esfiha

Esfiha

Você sabia que a esfiha era nada mais que um pão coberto com carne, tradicionalmente de carneiro, e cebola? Isso foi há muitos anos na Síria e no Líbano, e daí nasceu a ideia da esfiha aberta, aquela famosa massinha redonda parecida com uma pizza.

Os imigrantes árabes espalharam esta delícia pelos outros países do Oriente Médio, chegando até o Ocidente e, claro, ao Brasil, onde é muito popular.

Com o passar do tempo e com tanta mistura de culturas, a esfiha ganhou a versão fechada, criada pelos ocidentais, e foi incrementada com recheios variados, como queijo, frango, calabresa, escarola, requeijão e o zatar.

No Restaurante Abu-Zuz você pode experimentar diversos sabores das deliciosas esfihas, tanto abertas quanto fechadas. Você escolhe!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz).