Homus, a pasta de grão-de-bico

 

Homus Restaurante Abuzuz

O nome homus vem da palavra árabe grão de bico, e esta pasta é muito saboreada no Oriente Médio há muitos séculos.  A pasta feita a partir de grão de bico cozido misturado com tahine, azeite de oliva, suco de limão, sal e alho já é saboreada em diversos países do mundo.  Essa pasta além de deliciosa ainda traz muitos benefícios para o nosso corpo evitando as doenças cardiovasculares, rico em proteína e ferro o homus ajuda a aumentar a energia e a saciedade, as fibras, proteínas e o ácido fólico presentes nele ajudam a reduzir o colesterol e a prevenir o câncer.

A forma tradicional de saborear o homus é com o pão sírio, esfiha ou kibe mas é possível usá-lo em sanduíches para substituir a maionese, pode servir de ingrediente no lanche de kafta, ou comer com legumes crus, como cenoura, salsão, tomate cereja e pepino, e até com carnes ou saladas.

As receitas variam muito pois algumas apresentam mais sabor do tahine, outras do limão, outras do alho, mas se quiser se deliciar com uma receita clássica feita há mais de 25 anos venha ao Restaurante Abuzuz.

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

Anúncios

Do seu jeito!

Pratos combinados do Restaurante Abuzuz

A culinária árabe tem tantos pratos deliciosos que fica difícil decidir o que experimentar quando se abre o cardápio, não é mesmo? O Restaurante Abuzuz percebeu que as pessoas ficavam indecisas entre tantos sabores que resolveu criar o prato combinado. No combinado você pode escolher uma opção de cada grupo, assim você escolhe um item da entrada, proteína e acompanhamento. Na entrada temos babaghanuj, coalhada seca, homus, salada fatuche, salada oriental e tabule. Em proteínas servimos: espeto de carne, espeto de frango, espeto de kafta, quibe assado e quibe cru. Em acompanhamentos temos arroz branco, arroz cabelo de anjo, arroz com lentilha, arroz marroquino, charuto de repolho e charuto de uva. Desse jeito dá para montar infinitas combinações. O combinado ainda acompanha um suco que pode ser de laranja, abacaxi ou limão. Você já pensou na sua combinação? Bom apetite!

Venha até o tradicional Restaurante Abu-Zuz, no Brás, e experimente essas deliciosas combinações! Você vai adorar criar seus pratos!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

Babaganuj, pasta de beringela

 

Berinjelas assadas e Babaganuj
Berinjelas assadas e Babaganuj

 

Não tem nada mais tradicional no mundo oriental do que comer, e comer bem! E é também tradição petiscar antes das refeições. Imagine aquela mesa cheia de gente, a família reunida, batendo papo e, claro, degustando alguma entrada, até que chegue o prato principal.

A cozinha libanesa tem as famosas pastas, como o homus, por exemplo. Mas hoje, vamos falar do babaganuj, a pasta de beringela que vai muito bem com pão sírio.

A beringela tem muitos benefícios para a saúde e é muito saborosa. Geralmente o babaganuj é preparado com as beringelas assadas. O recheio é retirado e misturado ao tahine, limão, alho e sal. Um fio de azeite dá o toque final.

Pronto! Agora é só petiscar!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

Fatuche, tudo se aproveita!

Fatuche

Assim como nós brasileiros temos profundo respeito pelo “nosso pão de cada dia”, o povo do oriente também.

Nada, para os libaneses e sírios, pode ser desperdiçado, especialmente o pão, pois, antigamente, era o único alimento acessível aos povos.

O Fatuche é uma salada que foi inventada como forma de aproveitar as sobras do delicioso pão sírio. Mistura-se tomate, pepino, hortelã, alface, cebola, limão, simak e pimenta síria. Coloque o pão sírio torrado como último ingrediente para que permaneça crocante.

A salada Fatuche é super-saudável e tem pouquíssimas calorias, cerca de 160 uma porção com 100 gramas.

Venha experimentar no Restaurante Abu-Zuz uma tradicional Fatuche!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

Quibe cru: o famoso “bolinho” de carne moída

Quibe Cru

Apresentamos uma das mais tradicionais delícias do Oriente: o quibe cru!

O bolinho de carne moída, que a maioria conhece frito, tem sua origem na Síria e no Líbano, onde é chamado de “kibbe nayye.

Feito basicamente com carne crua moída (muito limpa e fresquinha) e um pouco de trigo, é temperado com sal e hortelã ou manjericão (dependendo da região).

A forma tradicional de se comer o delicioso quibe cru é com cebola crua, hortelã e azeite, ah, e claro, com pão sírio. Mas nada impede de se acrescentar uma bela pimenta síria e, por que não, limão.

Quer experimentar um tradicional quibe cru libanês? Passe no Restaurante Abu-Zuz e bom apetite!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

Que tal um Tabule fresquinho?

 

Tabule

O tabule é uma típica salada da culinária sírio-libanesa que geralmente é degustada para abrir o apetite, como aperitivo antes das refeições.

O ingrediente predominante no tabule é a salsa picada. Na receita tradicional, adiciona-se o trigo, o tomate e a cebola.

No tempero, vai azeite, sal e limão. Ao tabule, dependendo da região, pode-se acrescentar folhas de alface ou repolho.

Você ainda não provou o Tabule do Restaurante Abu-Zuz? Então corra!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)