Homus, a pasta de grão-de-bico

 

Homus Restaurante Abuzuz

O nome homus vem da palavra árabe grão de bico, e esta pasta é muito saboreada no Oriente Médio há muitos séculos.  A pasta feita a partir de grão de bico cozido misturado com tahine, azeite de oliva, suco de limão, sal e alho já é saboreada em diversos países do mundo.  Essa pasta além de deliciosa ainda traz muitos benefícios para o nosso corpo evitando as doenças cardiovasculares, rico em proteína e ferro o homus ajuda a aumentar a energia e a saciedade, as fibras, proteínas e o ácido fólico presentes nele ajudam a reduzir o colesterol e a prevenir o câncer.

A forma tradicional de saborear o homus é com o pão sírio, esfiha ou kibe mas é possível usá-lo em sanduíches para substituir a maionese, pode servir de ingrediente no lanche de kafta, ou comer com legumes crus, como cenoura, salsão, tomate cereja e pepino, e até com carnes ou saladas.

As receitas variam muito pois algumas apresentam mais sabor do tahine, outras do limão, outras do alho, mas se quiser se deliciar com uma receita clássica feita há mais de 25 anos venha ao Restaurante Abuzuz.

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

Anúncios

Culinária árabe também é cultura!

salamaleque valeria arbex foto: divulgação

 

Se você é descendente de sírios, libaneses, palestinos ou tem interesse pela cultura árabe você vai se emocionar com a peça teatral “Salamaleque” .  Na verdade, o que acontece na sala teatral é um encontro com a atriz Valéria Arbex que compartilha com seus convidados histórias, costumes, lembranças …enquanto prepara um banquete árabe. No final do espetáculo, o público é convidado a degustar os sabores da culinária árabe. Assistir a este monólogo, que nasceu das 68 cartas trocadas entre seus avós Nadine e Nicolau,  é como se você estivesse na cozinha da casa da avó.

Entre as delícias que podem ser provadas estão o pão sírio com zaatar (condimento típico do oriente), babaganuche (pasta de berinjela), homus (pasta de grão de bico), coalhada seca, goma árabe com amêndoas (doce gelatinoso) e água aromatizada com romã, miski e hortelã.

Serviço
O quê: Salamaleque (60 min)

Quando: até o dia 26 de abril, sábados e domingo, às 16h

Onde: Instituto Cultural Capobianco

Endereço: Rua Alvaro de Carvalho, 97, Centro

Telefone: 11 97499.4243

Ingresso: gratuito (melhor retirar 1h antes)

 

Se você não conseguiu participar deste encontro venha matar a vontade dessas delícias no Restaurante Abu-Zuz.

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

Culinária árabe para vegetarianos

Restaurante Abuzuz

A cada dia sobe mais o número de adeptos da dieta vegetariana no mundo.  No Brasil essa tendência também é crescente. A principal motivação para a população adotar essa dieta, principalmente entre os mais jovens, é a preocupação com uma alimentação saudável e o impacto ambiental.

A culinária árabe, uma das mais ricas em sabores, texturas e benefícios para a saúde, vem ao encontro desse pensamento já que disponibiliza uma grande variedade de receitas vegetarianas e acaba sendo uma opção natural para os seguidores desta dieta.

Entre as opções veganas que você encontra no Restaurante Abuzuz estão:

– O tabule preparado com trigo, salsinha, tomate e cebola é nutritivo e saboroso.

– O fatuche preparado com alface, tomate, pepino, cebola, pão sírio torrado e somac (tempero) é uma opção refrescante e saudável para os dias de calor.

– A salada Oriental feita com alface, tomate, pepino e cebola.

– A salada mista com alface, tomate, pepino, palmito e cebola.

-A salada Juliana elaborada com alface americana, rúcula, tomate caqui, palmito e parmesão.

– O falafel são bolinhos fritos de fava e grão de bico, coentro e tempero especial.

Sanduíche de falafel tem bolinhos fritos de grão de bico e fava, alface, conservas e taratur no pão sírio.

Lanche de coalhada seca. No pão sírio acrescenta-se coalhada seca, pepino, tomate, hortelã e azeitona.

– O trio de pastas com o homus preparado com grão de bico, o babaganuj feito com berinjela  e a coalhada seca acompanhados de pão sírio é uma boa pedida.

Arroz com lentilha é benéfica para a saúde já que esse grão é rico em fibra e ferro.

– As esfihas de queijo, escarola, zaatar e coalhada podem funcionar como uma refeição ou lanche rápido.

Qual o seu pedido no Restaurante Abu-Zuz?

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

 

Reuniões e encontros no café da manhã

Restaurante Abuzuz

Muitas empresas estão optando por reuniões no café da manhã, pois este é um bom momento para uma conversa já que todos estão mais descansados e ainda não absorveram as demandas do dia. Pensando nisso o Restaurante Abuzuz está disponibilizando o seu salão para grupos de até 30 pessoas, de segunda a sábado, das 10h às 12 horas. Assim se você quiser reunir a sua equipe, promover a integração entre os colaboradores e melhorar o relacionamento entre os funcionários essa é uma boa pedida.

Para este evento é servido alimentos típicos da culinária árabe como: pequenas esfihas de  queijo  e zaatar , pão , queijo branco, coalhada seca, homus e babaganuj, ful mudamas (sopa de fava e grão de bico) com Kabis (prato composto por conservas diversas) e ovos com linguiça. Nas bebidas estão inclusos chá, água e suco natural. O doce mais indicado para essa ocasião é o knefe bi jobin (doce de queijo), servido quente, regado com calda ao perfume de água de flor de laranjeira.

Organizamos tudo para a realização do seu evento. Faça sua reserva: (11) 3315-9694

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

Jogos da Copa com mais sabor!

Restaurante Abuzuz

Nos jogos da copa o lance, o drible e os gols ficam ainda mais animados quando reunimos a família e os amigos para juntos torcer, gritar, sofrer e comentar os melhores lances do jogo. Para acompanhar e celebrar esse encontro nada como saborear os deliciosos quitutes da culinária árabe. Entre as nossas sugestões estão as esfihas de carne, queijo, escarola, coalhada; kibes fritos; kibe assado; coxinhas; pão sírio com homus, babaganuj e coalhada seca. Para adoçar esse momento temos os doces árabes como folhados e ninhos pequenos de pistache, nozes e damascos. Faça seu pedido e deixe esse encontro ainda mais inesquecível. Para consultas e pedidos ligue 3315-9694.

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

Que tal um drinque?

Arak - Restaurante Abuzuz

Reunir os amigos em volta da mesa para uma boa conversa é um prazer que pode ficar ainda mais agradável se você servir o arak. Essa é uma bebida bastante tradicional no Líbano, pronuncia-se árak, um destilado árabe de uvas, que também pode ser obtido de tâmaras, com infusão em anis. O arak é uma bebida transparente com graduação alcoólica de 45,9%vol, Sim, é uma bebida para os fortes.

Como surgiu?

As primeiras notícias que se tem dessa bebida é que ela foi produzida há quatro milhões de anos pelos egípcios que resolveram misturar as sementes de anis à aguardente de uva. Assim surgiu uma das bebidas mais populares do Oriente Médio (Líbano, Síria, Palestina, Jordânia, Iraque e Israel). O arak é envelhecido em potes de argila por 12 meses para depois ser engarrafado.

Como se bebe?

O arak deve ser misturado com água. Para compor esse drinque o ideal é usar um copo alto e adicionar 1/3 de arak e 2/3 de água com muito gelo. Após a mistura, o arak muda de cor e o drinque ganha uma nova tonalidade, se torna branco leitoso. Devido a essa alquimia a bebida é também conhecida por leite de leões ou leite de camelo.

O arak harmoniza muito bem com o mezzé, uma degustação de vários pratos da culinária árabe como: homus, babaganuche, chanclich, tabule, coalhada fresca com pepino, batatas com gergelim, cordeiro, fatuche, picles, azeitona, linguiça síria, fígado, miolo, quibe cru… tudo acompanhado pelo pão sírio.

Venha experimentar esse aperitivo no Restaurante Abu-Zuz!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no

Instagram (@restauranteabuzuz)

O verão pede refeições leves e nutritivas!

Restaurante Abuzuz

  O verão, uma das estações mais aguardada do ano, chegou registrando as mais altas temperaturas dos últimos 10 anos. Nesse calor escaldante o ideal é fazer refeições mais leves, saudáveis, ricas em nutrientes e de fácil digestão, por isso nessa época do ano evite alimentos gordurosos e frituras. Com o calor há uma diminuição da taxa metabólica basal, ou seja, o corpo gasta menos caloria e energia em relação às necessidades do inverno. Por isso devemos reduzir a quantidade calórica ingerida.  O cardápio da culinária árabe é perfeito para essa estação além de colorido é saudável e nutritivo.

O trio de pastas, homus, coalhada e babaganush, um clássico da culinária do oriente, além de delicioso é muito nutritivo.  O homus preparado com o grão de bico rico em proteínas e fibras tem ainda ferro, cálcio, potássio e vitaminas do complexo B. Já o valor nutritivo da coalhada proporciona o aumento da absorção de vitaminas do complexo B e cálcio pelo organismo. O babaganush que é preparado basicamente com berinjela é rico em fibras, sais minerais e vitaminas A, B1, B2 e C e tem ainda magnésio, zinco, potássio, cálcio, ferro e fósforo. O tahine, usado na receita do babaganush e do homus, é uma pasta feita de sementes de gergelim, que é rico em cálcio e ômega 3.

As carnes dessa culinária em geral são grelhadas ou assadas como o kafta e o kibe que pode ser consumido assado ou cru. Para acompanhar saladas como tabule ou fatuche que combinam muito bem com Kafta. Tem também a coalhada fresca com pepino , uma pontinha de alho triturado com sal e hortelã seco. Esse é um prato muito refrescante.  O kibe, além de ser uma fonte de proteína, tem também como ingrediente em seu preparo o trigo que é rico em fibras, magnésio, manganês e triptofanos. O kibe e a salada de tabule que possuem em seu preparo o trigo são boas fontes de carboidratos, proteínas, vitamina do complexo B, ferro, zinco.

Os sanduíches, como o shawarma, tem valores nutricionais importantes, pois são ricos em fibras e vitaminas. As esfihas, um item básico da culinária árabe, são assadas e tem fontes de carboidratos e proteínas.

Venha saborear as delícias dessa culinária que traz tantos benefícios para a saúde do seu corpo no Restaurante Abu-Zuz!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no

Instagram (@restauranteabuzuz)