Que venha o verão!

Combinado de kibe assado, salada oriental e charuto de folha de uva do Restaurante Abuzuz

 

A primavera e o verão estão chegando e quem abusou dos alimentos mais calóricos no inverno agora está querendo recuperar a boa forma. A culinária árabe tem sabores e texturas exóticas, além de várias opções deliciosas, leves e saudáveis.  Os nutrientes dos alimentos usados nessa cozinha garantem o bom funcionamento do organismo e é uma grande aliada para obter um emagrecimento saudável.

A culinária árabe usa ingredientes naturais, frescos e variados. Muitos dos pratos são assados, grelhados e crus.  A preparação dos pratos usa diversas especiarias e ervas aromáticas que dão mais sabor e perfume as receitas.

As carnes de gado, frango e cordeiro são as mais utilizadas nas receitas. Prefira as receitas com carnes cruas, assadas ou grelhadas. O kibe pode ser cru ou assado, o kafta pode ser grelhado ou assado no forno. Os espetos de carne e frango são grelhados. São várias opções para você montar um cardápio bem diversificado.

As saladas desta cozinha são coloridas, nutritivas e de baixas calorias como o Fatuche (alface, tomate, pepino, cebola, pão sírio torrado e o tempero sumac); Oriental (alface, pepino, tomate e cebola) e o Tabule (salsinha,trigo, tomate e cebola).

Os charutos de folhas de uva ou repolho são ricos em fibras e com baixo teor de gordura. O babaganuche, pasta preparada com berinjela, é rica em fibras, sais minerais e vitaminas A, B1, B2 e C.

No Restaurante Abu-Zuz você tem a opção do prato combinado que permite montar o prato com ingredientes da sua escolha. Essa é uma boa opção para cuidar da saúde e da boa forma.

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

Anúncios

Shawarma de carne ou frango?

Shawarma de carne e frango: porção e lanche no pão sírio

 

Pioneiro no restaurante Abuzuz e em São Paulo, o shawarma pode ser servido no prato, como aperitivo para acompanhar o Arak, tradicional bebida do Líbano com sabor de anis, (ou qualquer outra bebida alcoólica), ou em forma de lanche, no pão sírio. O shawarma é um lanche montado com lascas de frango ou carne bovina, assados em um espeto vertical e servido no pão sírio.

O segredo do shawarma está na marinada e no cozimento da carne que é colocada crua em um espeto vertical rotativo onde fica por várias horas para assar. Como ele gira, a carne é cozida por uma fonte de calor que está localizada atrás do espeto. Com uma faca grande e afiada a carne é cortada em lascas para montar o shawarma.

No shawarma de carne, adiciona-se molho de tahine (pasta feita de sementes de gergelim), conserva de pepino, tomate e salsinha picada com cebola e sumak (especiaria bastante utilizada na culinária do Oriente Médio).  Já o shawarma de frango é servido com pasta de alho e batata frita além do tomate, alface e conserva de pepino.

Venha experimentar essa delícia no Restaurante Abu-Zuz!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no

Instagram (@restauranteabuzuz)

Gostou? Peça mais!

Rodízio

Imagine almoçar uma deliciosa comida árabe e ainda poder repetir o que mais gostou!

Isso mesmo! O Restaurante Abu-Zuz oferece o Rodízio que foi criado especialmente para aqueles que não conhecem muito bem a cozinha árabe e querem  se familiarizar com os pratos mais conhecidos, mas claro, todos podem experimentar e repetir!

O Rodízio é composto por deliciosas mini-esfihas de carne e verdura, quibinhos, três pastas: homos, babaganuj e coalhada seca, tabule, quibe cru, charuto de uva e de repolho, arroz com lentilha, arroz marroquino com frango e amêndoas laminadas e michui de kafta.

E ainda tem a sobremesa: mohalabieh com geleia de damasco ou calda de ameixas pretas.

Venha conhecer um pouco mais sobre a cozinha árabe!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz)

 

A história da esfiha

Esfiha

Você sabia que a esfiha era nada mais que um pão coberto com carne, tradicionalmente de carneiro, e cebola? Isso foi há muitos anos na Síria e no Líbano, e daí nasceu a ideia da esfiha aberta, aquela famosa massinha redonda parecida com uma pizza.

Os imigrantes árabes espalharam esta delícia pelos outros países do Oriente Médio, chegando até o Ocidente e, claro, ao Brasil, onde é muito popular.

Com o passar do tempo e com tanta mistura de culturas, a esfiha ganhou a versão fechada, criada pelos ocidentais, e foi incrementada com recheios variados, como queijo, frango, calabresa, escarola, requeijão e o zatar.

No Restaurante Abu-Zuz você pode experimentar diversos sabores das deliciosas esfihas, tanto abertas quanto fechadas. Você escolhe!

Visite nosso site.

Curta nossa fan Page.

Siga-nos no Twitter e no Instagram (@restauranteabuzuz).